Microsoft avisa: O Windows 7 é perigoso e já tem fim anunciado

Microsoft avisa: O Windows 7 é perigoso e já tem fim anunciado

A Microsoft está a avisar todos os utilizadores do sistema operativo Windows 7 que façam a migração para a versão 10.

Em causa, lê-se no blogue da filial alemã da multinacional norte-americana, o facto de o Windows 7 ser antigo e, por isso, ter várias falhas de segurança e até restrições a nível do hardware.

“Hoje, o Windows 7 não responde nem às exigências da tecnologia moderna, nem aos níveis de segurança exigidos”, escreveu Markus Nitsche, presidente da filial alemã da marca.

Segundo a publicação feita no blogue, os computadores que ainda usam o Windows 7 estão mais vulneráveis a ataques cibernéticos e o facto de o sistema não suportar novas atualizações faz com que os seus utilizadores possam vir a gastar mais dinheiro devido às incompatibilidades do sistema.

Nesta senda, a Microsoft avisa que o tempo de vida útil do Windows 7 está a chegar ao fim e que quando isso acontecer, mais precisamente dentro de três anos, não irá prestar mais apoio técnico aos seus clientes, o que também já acontece, segundo o mesmo responsável, com os fabricantes de hardware que já não é suportado por aquele sistema operativo.

“As empresas e os utilizadores particulares que ainda usarem o Windows 7 dentro de três anos vão estar perante vários perigos”, lê-se no blogue.

Close Menu